Conteúdo para pessoas comuns

"Do nascimento aos 18 anos, uma mulher precisa de bons pais. Dos 18 aos 35, precisa de boa aparência. Dos 35 aos 55 precisa ter muita personalidade. Dos 55 em diante, precisa de dinheiro." (Sophie Tucker)

Minha vida Virtual

domingo, 10 de abril de 2011

TOP 10: Filmes de Dança

Quem é que não curte um filminho com um embalo de danças como pano de fundo. Eu adoro!!! Não estou falando de musicais, não! Estou falando filmes interessantes com trama legais onde a dança entra apenas com toque apimentado na história, ninguém merece aqueles filmes do gênero musical, onde as cenas param o tempo todo para que os atores dancem e cantem se embasando na última fala de algum personagem, o telespectador fica perdido, falo isso por mim. Então já se entende que não vai ter nenhum Chicago, ou Moulin Rouge nesta lista, mas vamos parar de conversa e vamos ao que realmente interessa:

10º O  Sol da meia noite (1985)

"Confesso que já assistir há muito, mais muito tempo mesmo, nem me lembro da história toda, mas sei que é muito legal, e sem falar da performance do ator que é um dançarino profissional na realidade. E acrescentando, que é um clássico do gênero, clássico é clássico!"
Sinopse: Nikolai Rodchenko (Mikhail Baryshnikov) é um bailarino da União Soviética exilado nos Estados Unidos que é aprisionado pela KGB quando seu avião sofre uma pane e pousa em território soviético. Lá tem contato com um bailarino americano, que desertou do exército na época da Guerra do Vietnã, foi morar em Moscou e está casado com uma russa.

9º Billy Eliot (2000)

"Hum... Maravilhoso, filme além de super legal é extremamente sensível, e fala de temas como preconceito, homofobia e acima de tudo a falta de compreensão de nossa própria família, acho que é um ótimo filme para refletir, além é claro, de descontrair, maravilhoso e encantador." Sinopse: Billy Elliot (Jamie Bell) um garoto de 11 anos que vive numa pequena cidade da Inglaterra, onde o principal meio de sustento são as minas da cidade. Obrigado pelo pai a treinar boxe, Billy fica fascinado com a magia do balé, ao qual tem contato através de aulas de dança clássica que são realizadas na mesma academia onde pratica boxe. Incentivado pela professora de balé (Julie Walters), que vê em Billy um talento nato para a dança, ele resolve então pendurar as luvas de boxe e se dedicar de corpo e alma dança, mesmo tendo que enfrentar a contrariedade de seu irmão e seu pai sua nova atividade.

8º Vem dançar comigo (1992)

“Da safra de filmes australianos, "Vem dançar comigo" é um filme divertido. A estória não tem nada de grandioso, mas é recheada com muita música e dança. Pra quem gosta de filmes do gênero esse é uma boa pedida, eu recomendo, e sem falar que o ator principal é um gatinho. (risos)” Sinopse: Scott Hastings (Paul Mercurio) é um ótimo dançarino e também um campeão da dança de salão. Porém, para total desagrado da comunidade da dança de salão na Austrália, que é controlada por Barry Fife (Bill Hunter), o presidente da federação, Scott decidiu sair do convencional e criar seus próprios passos, ao invés de dançar uma coreografia que foi criada por outra pessoa. Fran (Tara Morice) é uma dançarina iniciante, que tem a audácia de pedir para ser a parceira de Scott, pois ele perdeu sua parceira, Liz Holt (Gia Carides), que ficou irritada com ele quando Scott, no meio de um concurso, executou passos considerados "espalhafatosos". No início ele reluta, mas acaba aceitando Fran como sua parceira para disputar o Pan Pacific, o mais importante torneio de dança de salão. Ambos sabem que provavelmente não irão vencer, mas o mais importante é eles criarem novos passos.
                     
7º Sob a luz da fama 2: O poder da Paixão (2008)

“Filme que também traz uma linha com trama simples, mas que tem uma trilha sonora de dar inveja a Dirty Dancing. Você vai se envolver, têm muita dança e música do começo ao fim, as coreografias são muito boas e são super energéticas, um filme para o público jovem.” Sinopse: Tudo que Kate Parker sempre quis era dançar na Academia Brasileira de Balé, mas como ela não foi aceita, ela aprende que talento natural não basta para quem vencer no mundo da dança. 

6º  No balanço do Amor (2001)

“No Balanço do Amor é um filme mais que encantador é lindo e sensível, sou fascinada pela a sua estória envolvente e pretensiosa, muito legal, seu roteiro apesar de ser simples deixa o telespectador tenso e preso pelo embalo de dança. Altamente recomendável. Esse é um dos poucos filmes que Julia Stiles dá um show de interpretação.”  Sinopse: Sara Johnson (Julia Stiles) é uma garota de 17 anos que sempre sonhou em ser uma bailarina profissional. Porém, seus planos vão por água abaixo quando sua mãe morre em um acidente de carro e ela é obrigada a viver com seu pai em Chicago. Intimidada pela sua nova vida, ela busca refúgio nos clubes locais, onde conhece um jovem (Sean Patrick Thomas) que compartilha com ela o mesmo amor pela dança. Porém, eles logo descobrem que a pressão existente entre os dois irá se tornar uma barreira maior do que a diferença de cor ou de classe para que eles possam iniciar um romance.
  
5º Vem Dançar (2006)

“Mesmo com a estória já tão comum, o filme consegue superar pela espetacular atuação de antonio Bandeira e pelas coreografias maravilhosas.” Sinopse: Pierre Dulaine (Antonio Banderasprofissional, que se torna voluntário para dar aulas de dança em uma escola pública de Nova York. Pierre tenta apresentar seus métodos clássicos, mas logo enfrenta resistência dos alunos, mais interessados em hip hop. É quando deste confronto nasce um novo estilo de dança, mesclando os dois lados e tendo Pirre como mentor.

4º Honey: No Ritmo dos seus sonhos (2003)
 
“Interessantíssimo, Jessica Alba foi feliz em sua atuação neste Filme, com direito a muita dança e participações de alguns astros da música estadunidense, deixam o filme apimentado.” Sinopse: Honey Daniels (Jessica Alba) é uma bela garçonete com talento para a dança. Quando surge uma oportunidade para ela lecionar e ser agenciada por um importante produtor, Honey terá que tomar importantes decisões que mudarão toda sua vida. 

3º Flashdance (1983)

“Cresci ouvindo minha mãe falar o quanto adorava esse filme, considero também um clássico já que é um dos melhores da sua época. É um ótimo filme, esse todo colecionador tem que ter”. Sinopse: Uma jovem (Jennifer Beals) de garra e talento não mede esforços para realizar o sonho de se tornar uma bailarina. Para tanto, durante o dia ela trabalha como operária e à noite solta seu corpo no ritmo alucinante das discotecas.

2º Se ela dança eu Danço (2006)

"Sou completamente apaixonda pelo filme, quando foi lançado em dvd foi uma briga conseguir aluga-lo na locadora, mas quando assistir adorei, simplesmente fantástico as atuações, as coreografias, músicas, todo o roteiro é show, e o melhor é a apresentação na cena final super demais..."
Sinopse: Após depredar um colégio, Tyler Gage (Channing Tatum) é enviado para fazer serviços comunitários em uma escola de artes. Lá ele conhece Nora Clark (Jenna Dewan), uma bela aluna de dança moderna que precisa urgentemente de um novo parceiro. Tyler está acostumado com as danças de rua, mas reluta à idéia de ser o novo parceiro de Nora. Aos poucos ele aceita a idéia e passa a se envolver com Nora. 

Em Primeiro lugar:
O clássico da sessão da tarde...
1º Dirty Dancing- Ritmo quente (1987)

Filme que mistura as danças mais calientes, bela história, e roteiro maravilhoso, super interessante, fantástica atuação de Patrick  Swayze o gatíssimo. Considero o melhor filme do gênero, minha mãe também adora.

Sinopse: Em 1963, Frances Houseman (Jennifer Grey), ou "Baby", como é chamada pela família, uma jovem de 17 anos, viajou com seus pais, Marjorie (Kelly Bishop) e Jake Houseman (Jerry Orbach) e sua irmã Lisa (Jane Brucker) para um resort em Catskills. Ao contrário de Lisa, que pensa em roupas, Frances é idealista e quer estar no próximo verão no Corpo da Paz estudando a economia dos países do Terceiro Mundo. Assim, ela espera que este seja o último verão como uma adolescente despreocupada, mas Baby não se dá muito bem com sua irmã mais velha e está entediada em tentar distrair os hospedes mais velhos (foi envolvida nesta situação por seu pai). Até que numa noite Baby ouve algo que parece ser um som de festa no alojamento dos funcionários (que os hospedes não podem ter acesso). Ela consegue entrar na festa graças a um empregado e descobre que ali o pessoal realmente se diverte com danças, que Max Kellerman (Jack Weston), o dono do hotel, não permite. Baby chega a dançar com Johnny Castle (Patrick Swayze), um professor de dança, e logo fica apaixonada por ele. Quando Penny Johnson (Cynthia Rhodes), a parceira de dança de Johnny, fica grávida por ter se envolvido com Robbie Gould (Max Cantor), um dos garçons, Baby se oferece para aprender a dançar e substituir Penny, mas o pai de Baby, quando descobre, não gosta disto, pois considera que Johnny é de outra classe social e Baby é jovem demais para entender seus sentimentos.

6 comentários:

  1. Está faltando na lista Dança comigo?

    ResponderExcluir
  2. jesus sauvador da minha vida1 de julho de 2011 15:58

    sou faz das dos felme precipamente se ela dança eu danço estao de parabeis

    ResponderExcluir
  3. adorei o filme SOB A LUZ DA FAMA O PODER DA PAIXAO...

    ResponderExcluir
  4. faltou... Se ela dança eu danço 2.... é a mesca coisa só que é uma menina rsrsrs

    ResponderExcluir
  5. gostei da lista mais ainda falta muitos filmes ai, que também são otimos.

    ResponderExcluir
  6. Realmente o filme Sob a luz da fama e otimo,acho que deveriam fazer mais filmes assim ao inves de velozes e furiosos 10 o retorno!
    kkkk

    ResponderExcluir

Sacramentos e Penitências